Blender Game Engine - Primeiros Passos


#1

[html]

Olá, pessoal

Alguns de vocês já devem saber que o Blender, além de ser uma ferramenta de modelagem 3D, também possuí uma game engine (BGE – Blender Game Engine) integrada. Nesse post, vou mostrar passo a passo como usar essa ferramenta em um exemplo simples: atirar um cubo em outro.

Ao abrir o Blender 2.63, uma janela se abre já com um cubo lá.

Primeira tela do Blender

A primeira coisa que vamos fazer é arrastar o cubo para afastá-lo do centro da cena. Para fazer isso, clique na seta verde (referente ao eixo Y) próximo ao centro do cubo e arraste para esquerda até que se chegue próximo ao final da grade.

Movendo cubo.

Em seguida, vamos adicionar um plano para sustentar nossos objetos. Há mais de um jeito de executar essa tarefa, mas é bom ir acostumando a usar as hotkeys padrão do Blender, então use a combinação SHIFT+A para abrir o menu de adição e depois selecione Mesh -> Plane.

Adicionando um plano.

É evidente que o plano criado não é grande o suficiente para servir como chão do nosso “cenário”. Por isso, vamos aumentar as dimensões do plano pressionando S e arrastando o mouse até que se consiga o tamanho desejado – no caso, o mesmo tamanho da grade. Para completar a operação de redimensionamento, basta clicar com o botão esquerdo do mouse. Caso você queira desistir de redimensionar, clique com o botão direito do mouse.

Redimensionando plano.

Agora temos um plano de bom tamanho, mas nosso cubo ficou mal posicionando. Para mover novamente o cubo, clique sobre ele com o botão direito do mouse e depois arraste a seta azul (referente ao eixo Z) para cima até que o cubo esteja completamente sobre o plano.

Feito isso, podemos rotacionar um pouco nosso ponto de vista para que a câmera da cena, a pirâmide com triângulo preto, não fique atrapalhando. Para isso, clique com a roda do mouse e arraste um pouco para a direita. Note que não é para rodar – o que muda o zoom – mas sim clicar. Se você girar a visualização aproximadamente 3/8 de volta, estará vendo algo parecido com a figura abaixo.

Mudando ponto de vista.

O próximo passo é inserir um segundo cubo: a nossa “vítima”! Vamos fazer isso de modo análogo ao que fizemos para inserir o plano. Pressione SHIFT+A e selecione Mesh -> Cube.

Criando o segundo cubo.

Em seguida, reposicione o segundo cubo de modo a ficar completamente acima do plano e alinhado com o primeiro em relação ao eixo Y.

Nesse ponto, nós terminamos de posicionar todos os elementos que usaremos nesse exemplo. Agora vamos parar de mexer na parte visual e mudar alguns parâmetros na BGE. Para isso, primeiro precisamos mudar o modo de trabalho de Blender Render para Blender Game, no menu central do topo da janela.

Mudando para Blender Game.

Em seguida, acesse a aba Physics no painel de propriedades à direita. Note que dependendo da resolução do seu monitor talvez essa aba, que é a última, esteja escondida. Se for o caso, redimensione o painel clicando e arrastando sua borda.

Selecionando a aba Physics.

Nessa aba, vamos definir algumas propriedades do cubo “vítima”. A primeira delas será indicar que o objeto é um Actor, isto é, ele sofrerá deslocamento se algum outro objeto colidir com ele.

Definindo objeto como ator.

Depois, indicaremos que ele deve sofrer efeitos dinâmicos da física, tais como gravidade. Para isso, mudamos o Physics Type para Dynamic.

Mudando physics type para dynamics.

Por fim, precisamos indicar como será representada a superfície de colisão do objeto. Nessa caso, não há opção melhor que um cubo mesmo. Então basta clicar na caixa de seleção Collision Bounds.

Definindo superfície de colisão.

Esses passos devem ser repetidos também para o primeiro cubo, lembrando que para selecioná-lo é preciso usar o botão direito do mouse.

Com essa etapa concluída, chegou a hora de fazer um cubo ser arremessado em direção ao outro. Para construir esse efeito, vamos passar do 3D View para o Logic Editor, como mostra a próxima figura.

Selecionando o Logic Editor.

No editor lógico, vemos que é possível adicionar três tipos de elementos: sensores, controladores e atuadores. Nós queremos fazer com que um cubo ganhe velocidade ao pressionarmos uma tecla a barra de espaço, por exemplo. Para isso, vamos primeiro definir um sensor do tipo Keyboard:

Sensor de teclado.

Depois, clique no botão ao lado da palavra “key” e pressione a barra de espaço. Com isso, o sensor gerará um pulso positivo quando essa tecla for pressionada.

Barra de espaço selecionanda como chave.

Na sequência, crie um atuador do tipo Motion, que será o responsável por alterar o estado do cubo a ser arremessado.

Criando um atuador do tipo motion.

Para fazer o cubo ganhar velocidade em direção ao cubo “vítima” e um pouco para cima também, coloque Y: 3.00 e Z: 0.20 nos atributos Linear Velocity. Além disso, clique no botão Ad que aparece ao final dessa mesma linha. Fazendo essa seleção, estamos indicando que desejamos que a velocidade de Y e Z deve ser somada à atual velocidade do objeto, ou seja, acelerando-o.

É legal também adicionar um pouco de velocidade angular ao cubo. Faça isso colocando X: -3.00 no atributo Angular Velocity. Como queremos que essa rotação seja em relação ao próprio objeto e não ao cenário, é preciso clicar no botão L (de Local) no final dessa linha.

Atributos para acelerar o cubo.

Temos um sensor e um atuador, mas falta estabelecer uma conexão entre eles. Ao lado de cada um desses elementos, há uma bolinha de seleção. Clique na bolinha do sensor e arraste até a do atuador formando uma linha.

Ligando sensor no atuador.

Automaticamente será criado um controlador ao centro. E é essa toda a lógica que precisamos!

Controlador criado e voltando para o 3D View.

Volte para o 3D View, deixe mouse no frame de visualização central (para a próxima hotkey funcionar) e pressione P.

Pronto! Eis o seu experimento balístico em execução! Dê um toque na barra de espaço e veja o resultado. =D

(Para sair, pressione ESC)

Fire!!!

Espero que vocês tenham gostado e que isso sirva como empurrão para explorar mais essa ferramenta muito interessante.

Para mais básicas informações sobre como utilizar as principais ferramentas do Blender, vale a pena dar uma olhada nesse wikibook: Blender 3D Noob to Pro.

Abraços!

Vinícius

[/html]

#2

[html]

Quando eu pressiono a letra P o meu Blender fecha me ajudem a resolver isso por favor ?


[/html]

#3

[html]

Luan, problemas ao apertar “P” para iniciar a game engine normalmente estão relacionados com seu driver de vídeo ou algum bug específico da versão do Blender que você está utilizando com o seu sistema. Você pode tentar atualizar o Blender e o seu driver de vídeo caso um deles esteja desatualizado.

Se não der certo, procure ajuda em canais de suporte mais oficiais como:

Fórum Blender Artists (inglês)

http://blenderartists.org/forum/forumdisplay.php?44-Technical-Support

Blender Stack Exchange (inglês)

http://blender.stackexchange.com/

Fórum Blender Brasil (português)

http://www.blender.com.br/index.php?option=com_kunena&view=category&catid=1&Itemid=55

[/html]

#4

[html]

Muito legal, fazia tempo que não abria o blender e já tinha esquecido muita coisa. Valeu, ótimo tutorial


[/html]

#5

[html]

boa mas so que quando aperto p o blender fecha


[/html]

#6

Luan e João: tentem em modo wireframe para ver se funciona: apertem a tecla “Z” antes de apertar “P”.


#7

[html]

Oi Vinicius!

Eu segui o seu tutorial passo a passo, mas ao teclar “P” o Blender fecha.

Pode me ajudar?

Desde já agradeço,

Andrea


[/html]